Como funciona o PIX para PJ?

11 de Novembro de 2020
PIX para PJ

No início do ano, o Banco Central anunciou o PIX, novo sistema de pagamentos instantâneos, que deve mudar a forma de fazer transferências e pagamentos no país. E, mesmo antes do lançamento oficial, o novo meio de pagamento já é considerado uma das maiores inovações do setor bancário das últimas décadas.

Muito tem se falado sobre o PIX para pessoa física, mas e quanto às empresas? Existem diferenças entre o PIX PF e o PIX para PJ?

A seguir, você vai entender o que é PIX, como funciona o PIX PJ e quais as vantagens de adotar esse sistema.

Como funciona o PIX para PJ?

Uma coisa é certa: com o PIX, pessoas jurídicas vão ter mais uma opção para receber pagamentos além de dinheiro físico, boleto, cartão de débito ou crédito e transferência. 

Além disso, o novo modelo de pagamento instantâneo deve trazer mais agilidade, eficiência e produtividade às operações financeiras de empresas de diferentes portes. 

Isso porque, ele irá possibilitar receber pagamentos instantâneos todos os dias da semana e a qualquer horário do dia. 

Portanto, esperar para receber o dinheiro só no próximo dia útil ou pagar taxas altas para a utilização de um meio de pagamento é coisa do passado. O PIX para PJ terá um grande impacto na forma como lidamos com os pagamentos nas empresas.

 Todas as empresas poderão aderir ao PIX PJ, desde que tenham uma conta ou carteira digital em alguma das instituições financeiras participantes. O Banco Central disponibiliza uma lista dos agentes financeiros participantes.

Leia também | O que é PIX? Conheça o novo modelo de pagamento instantâneo

Mas, como o PIX funciona na prática?

Basicamente, o sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central vai permitir que pessoas e empresas paguem, transfiram e recebam dinheiro em questão de segundos, com disponibilidade 24 horas por dia e 7 dias por semana (incluindo feriados).

Todas as transações serão realizadas online, por meio dos aplicativos e sistemas de bancos, carteiras digitais e fintechs participantes — ou seja: o PIX não é um sistema à parte, mas sim uma solução integrada aos sistemas das instituições financeiras já existentes.

Para os consumidores pessoa física, as transações como transferências e pagamentos serão gratuitas, e a expectativa é que as tarifas cobradas de empresas sejam bem menores do que as praticadas atualmente na rede bancária para transferências como TED e DOC. E já podemos adiantar que a Cora irá oferecer acesso ao PIX de forma totalmente gratuita para os clientes da conta PJ, assim como fazemos com o envio de TED’s e emissão de boletos, que são 100% gratuitos no app da Cora.

Leia também | Chegou o Pix na Cora! Entenda como vai funcionar

Quem pode usar o PIX para PJ?

Todas as empresas, independente do tamanho e segmento poderão aderir ao PIX para PJ. A única exigência é que elas possuam uma conta ou carteira digital em alguma das instituições financeiras participantes.  

Até agora, quase mil instituições já solicitaram adesão ao PIX, mas somente as instituições financeiras com mais de 500 mil clientes são obrigados a adotar o sistema, segundo dados do Banco Central.

Os pagamentos instantâneos poderão ser realizados entre:

  • Pessoas físicas (P2P)
  • Pessoas e empresas (P2B/ B2P)
  • Empresas (B2B)
  • Pessoas e governo (P2G/G2P)
  • Empresas e governo (B2G/G2B)

5 motivos para utilizar o PIX na sua empresa

Como vimos, os empreendedores  terão mais uma opção para receber pagamentos além de dinheiro físico, boleto, maquininhas de cartão de débito ou crédito e transferências bancárias como DOC ou TED. Assim, a ideia do PIX é que uma transferência seja tão rápida, fácil e mais barata quanto pagar com dinheiro vivo.

Se o PIX tem diversas vantagens para pessoa física, para as empresas não poderia ser diferente, sendo mais uma forma de ganhar mais agilidade, eficiência e produtividade nas operações financeiras. Veja as principais vantagens em aderir ao PIX:

1. Envio e recebimento instantâneo

A principal vantagem do PIX para PJ é que os pagamentos serão recebidos de forma instantânea, a qualquer dia e horário. O valor será creditado diretamente na conta da empresa, sem intermediários. Isso representa muito mais agilidade para o empreendedor no dia a dia, redução das filas, maior capacidade de atendimento e comodidade para os clientes.

As empresas também poderão realizar pagamentos de impostos, fornecedores e funcionários com a mesma agilidade. E o melhor de tudo é que a operação levará, em média, 10 segundos para ser concluída, o que irá melhorar o seu processo de cobrança.

2. Redução de custos

Outra vantagem do PIX é que as transações devem ser reduzidos com o PIX PJ, já que não haverá intermediários cobrando taxas a cada pagamento e recebimento. Para você ter uma ideia, o Banco Central divulgou o custo do PIX para as instituições financeiras: R$ 0,01 para cada dez transações, enquanto cada TED custa R$ 0,07.

Essa economia deve ser repassada aos consumidores. Lembrando que na conta Cora, o recebimento via PIX será totalmente gratuito. 

3. Disponibilidade imediata

Se você não pode esperar o período de compensação do boleto de cobrança ou precisa receber um pagamento urgente realizado em um fim de semana, o PIX é a opção ideal.

Hoje, quando um cliente paga com cartão de débito ou crédito, por exemplo, o dinheiro precisa passar por adquirentes, bandeiras e bancos emissores até chegar à empresa — o que eleva as taxas e aumenta o tempo de liquidação do pagamento. Com o PIX, o dinheiro sai da conta do cliente diretamente para a conta da empresa, sem ter que percorrer um longo caminho antes, ficando disponível na conta PJ de forma instantânea. 

Para o empreendedor, é mais uma forma de agilizar os pagamentos e recebimentos, além de melhorar o processo de cobrança.

4. Segurança nos pagamentos

De acordo com o Bacen, as informações dos usuários do PIX são armazenadas em uma plataforma desenvolvida e operada pelo próprio órgão. Além disso, a base de dados será protegida pelo sigilo bancário e pela LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

O sistema PIX utiliza tecnologias de criptografia, autenticação mútua e assinatura digital. O QR Code do PIX é muito mais difícil de ser fraudado. Além disso, o empreendedor não precisa levar dinheiro vivo até o banco para fazer seu depósito. Assim, tudo isso deve facilitar muito os negócios brasileiros como um todo.

5. Mais vantagem competitiva

Por fim, o PIX para PJ é uma oportunidade de sair na frente da concorrência com um meio de pagamento mais rápido, barato e prático.

Para o microempreendedor individual (MEI) e pequeno empreendedor, por exemplo, o sistema representa uma nova forma de pagamento para agilizar as vendas, melhorar o atendimento e conquistar mais clientes.

Para quem trabalha com e-commerce ou delivery, os prazos de entrega podem ser reduzidos com os pagamentos instantâneos.

E, de modo geral, todas as empresas poderão melhorar a experiência do cliente com um meio de pagamento 100% digital e sem burocracia.

Como será o cadastro no PIX para PJ?

Para começar a usar o PIX, bastará cadastrar a empresa por meio da instituição financeira e criar uma chave PIX — que pode ser o CNPJ da empresa, e-mail, telefone celular ou um código aleatório gerado pelo sistema.

O registro vai acontecer nos próprios canais do banco em que a empresa tem conta, como o internet banking corporativo ou o aplicativo da conta PJ.

A chave não será obrigatória para fazer ou receber um PIX, pois ainda será possível realizar transações informando os dados da conta bancária, como é feito em um TED ou DOC. No entanto, o Banco Central recomenda o cadastro da chave PIX para garantir operações mais práticas e seguras, além de facilitar o controle dos seus dados.

Sem dúvidas, os empreendedores têm motivos de sobra para comemorar a chegada do PIX para PJ.

Agora que você entendeu o que é PIX para PJ e como essa novidade vai mudar a cultura dos pagamentos no país, já pode preparar sua empresa para a chegada do sistema. Prepare-se para se cadastrar no PIX e incentivar seus clientes a fazerem o mesmo.

E, claro,  você pode contar com a Cora para operar com o Pix. Você já pode cadastrar a sua chave PIX na conta PJ da Cora. Basta acessar o aplicativo da Cora, ir até o menu “Pix” e fazer o cadastro das suas chaves, seguindo as orientações do aplicativo. (Aqui temos um passo a passo).

 

Conta PJ Cora

 

Por Equipe Cora