Como ter sucesso com produtos de preço baixo e alto volume

24 de Setembro de 2020
produtos de preço baixo

É muito comum que alguns negócios vendam produtos de preços baixos e isso pode gerar alguns desafios, mas é sim possível ter sucesso com um negócio de baixo preço e alto volume.

Apesar da venda em geral ser facilitada, os produtos com ticket baixo podem prejudicar muito o vendedor. Para que isso não aconteça é primordial desenvolver uma série de estratégias que garantam altíssimos volumes de venda.

Continue lendo esse artigo se você quer saber mais sobre como ter sucesso ao oferecer produtos de preço baixo e alto volume.

Para produtos de preço baixo, estratégia é essencial

Quando falamos de uma empresa séria, trabalhar em designs de logotipo é interessante não só para fixar a sua marca no mercado, mas também para ajudar a fidelizar seus clientes. Lembre-se de marcas como a pepsi, onde você não precisa ler o nome da marca, apenas a logo já diz tudo sobre o produto comprado.

Agora que já temos em ideia sobre a imagem da sua marca, temos que falar em como vender seu produto.

abrir conta Cora

Leia também | Marketing de e-commerce: como posicionar sua loja na primeira página do Google

Lucre mais com kits

Em geral, produtos com ticket muito baixo podem ter um bom giro no seu negócio, no entanto nem sempre o volume financeiro final é tão bom quanto você gostaria.

Sendo assim uma estratégia excelente é vender os seus produtos em kits que tem valor bem mais elevado. Assim você faz vendas maiores facilmente.

Um dos maiores problemas dos produtos de baixo custo dizem respeito ao frete, pois não compensa comprá-los online sendo que muitas vezes o frete sai bem mais caro do que o produto em si.

Além de isso não ser vantagem para o cliente, o vendedor também acaba saindo perdendo na operação visto que tem gastos altos em cada compra, que deve ser separada, embalada, etiquetada e levada até o transportador.

Isso sem falar nos investimentos em campanhas de marketing para levar o cliente à uma conversão e outras despesas.

Então uma ótima saída é realmente agregar valor aos seus produtos unindo várias unidades em um kit, que terá consequentemente valor mais elevado e uma margem bem maior para trabalhar.

Leia também | Como a régua de cobrança da Cora pode te ajudar a reduzir a inadimplência da sua empresa

Será que o seu preço não está baixo demais?

Parece que no mercado existe uma regra que define que os preços baixos costumam fazer com que o consumidor compre muito mais. Mas nem sempre isso é verdade.

Por mais que o seu produto tenha baixo custo é fundamental saber se o preço dos seus produtos não estão realmente baixos demais, ou seja, se o seu lucro não está sendo afetado.

Se a sua margem for demasiadamente baixa você estará colocando o seu negócio em risco e provavelmente não será capaz de arcar com as despesas do final do mês.

Inclusive, existem muitos estudiosos da área de vendas que afirmam que utilizar uma estratégia de preço mais baixo do que o dos concorrentes pode ser uma das piores decisões, a não ser que ela seja bem utilizada em conjunto com outras ideias como:

  • Promoções para atrair o consumidor;
  • Aumentar o ticket médio dos produtos;
  • Entrar em um mercado novo;
  • Fechar vendas frequentes;
  • Impedir que concorrentes dominem o mercado.

 

Mas, para definir se vale a pena ter margens ínfimas em algumas situações, é preciso analisar o que a sua empresa e os seus clientes necessitam.

Caso o contrário, mantenha o valor dos produtos normais, com uma boa margem de lucro e use a estratégia de aumentar o ticket médio que já foi citada anteriormente.

Leia também | 14 ferramentas do Google para empresas que você precisa conhecer

Estratégias eficientes para lucrar mais com produtos de preço baixo

Ter sucesso com produtos de baixo custo e alto volume nem sempre é simples mesmo se os preços estiverem bem ajustados. Então veja algumas estratégias que você pode usar.

  1. Foque em baixar os seus custos e não necessariamente os preços. Se o seu produto tem baixo custo, tente operar com um valor justo ao seu cliente, mas que seja suficiente para potencializar os seus lucros.
  2. Se optar por fazer ofertas, que sejam por tempo limitado, dentro de uma estratégia bem estabelecida e planejada.
  3. Descontos progressivos podem funcionar bem em alguns casos porque assim é possível aumentar o ticket médio do cliente. Mas, é preciso ter cautela com esse tipo de estratégia.
  4. Ofereça produtos mais completos, de acordo com a necessidade do cliente. Assim você garante a satisfação do cliente e aumenta a sua margem de lucro.
  5. Preço abaixo do custo? Pode parecer loucura, mas em alguns casos essas estratégia pode ser usada, mas com muita cautela. Você pode colocar apenas um produto que seja chamariz para que os seus clientes comprem mais.
  6. Oferecer frete grátis acima de um certo valor. Com isso você estimula compras maiores e atrai mais clientes.

 

E então, o que achou das dicas? Agora é só você escolher as melhores estratégias e começar a colher os frutos do seu negócio!

 

Por Parceiro Cora