Estratégia e gestão

5 dicas de marketing digital para pequenas empresas

By maio 6, 2020 maio 8th, 2020 No Comments
marketing digital para pequenas empresas

Se ter presença digital já era importante para qualquer negócio, hoje se tornou uma estratégia indispensável, visto que os canais online se tornaram uma das únicas alternativas para vender e interagir com clientes.

É aquela velha premissa, quem não é visto não é lembrado. Conectar-se aos clientes é mais importante do que nunca  —  e o marketing digital pode ajudar nesse processo. Além disso, esses canais possibilitam escalar vendas de forma muito mais rápida e econômica, já que essas plataformas não exigem grandes investimentos.

No cenário atual, em que as empresas estão precisando  reduzir gastos e aumentar receitas, o marketing digital é uma importante ferramenta. E, ao contrário do que muitos pensam, não é necessário ser um especialista em marketing para por em prática algumas iniciativas. 

Existem estratégias simples que podem ajudar negócios a se conectarem com o seu público, que hoje está mais online do que nunca.

A seguir, selecionamos algumas dicas que vão ajudar empreendedores, como você, a aproveitar o potencial do marketing digital para pequenos negócios. Confira.

5 dicas de marketing digital para pequenas empresas

Antes de sair criando perfis em redes sociais para fazer postagens dos seus produtos e serviços, é necessário realizar um planejamento, que vai te ajudar a atingir o seu objetivo de forma mais rápida.

Para isso, algumas etapas são de extrema importância:

1. Planejamento

O primeiro passo para qualquer ação de marketing digital é o planejamento. É ele que irá guiar todas as suas ações em prol do objetivo, que é aumentar as vendas.

É nessa etapa que você irá definir os melhores canais para divulgar o seu negócio, o conteúdo que será postado, a periodicidade e as ações para atrair e impactar os seus clientes potenciais.

2. Conhecimento do público

É aí que entra uma dica muito importante: na etapa de planejamento é preciso entender quem são os seus consumidores e perceber o que eles vão querer ouvir de você. Conhecer seus clientes e seguidores é essencial para definir qualquer estratégia. Isso envolve desde mapear as redes sociais que eles mais usam até conhecer seus hábitos e preferências.

Quando você entende bem esses comportamentos, fica mais fácil desenhar estratégias, definir os canais ideais e a melhor linguagem para falar com esse público. Para isso, pesquisas rápidas com seus clientes são de grande ajuda. Procure conhecer suas necessidades, interesses, hobbies em comum, além de informações demográficas como média de idade, sexo, profissão, grau de escolaridade e interesses.

3. Trabalhar multiplataformas

Esse aprendizado irá ajudar a entender em quais canais o seu cliente está. E é exatamente lá que você precisa estar.

Até bem pouco tempo, ter presença digital significava ter um site. Hoje, esse canal não é tão imprescindível para tornar uma empresa digital. Um pequeno negócio, por exemplo, pode fazer parte de um marketplace — e-commerces que permitem que pequenos vendedores possam expor e vender seus produtos. Há também a possibilidade de investir na venda de produtos pelo Instagram ou WhatsApp.

Leia também | Como começar a vender nas redes sociais – o guia completo

4. Gerar conteúdo de valor

Um dos pilares do marketing digital é o conteúdo. É por meio dele que é possível construir um relacionamento mais próximo com o seu cliente, que poderá trazer muitos frutos para o seu negócio.

É importante lembrar que esse tipo de estratégia não traz um retorno imediato. É preciso construir uma relação de confiança com o seu público. A estratégia é ainda mais importante nesse momento, já que eles, assim como você, estão preocupados com a pandemia. O que as pessoas mais estão buscando neste momento é um pouco de conforto e uma forma de diminuir as incertezas. 

Nesse momento, é preciso demonstrar cuidado e empatia (é preciso avaliar a forma como se comunicar para não parecer ser oportunista com essa situação). Toda as empresas têm potencial de colaborar de alguma forma. O fortalecimento da marca virá como consequência.

Outra dica interessante é apostar em conteúdos que humanizem a sua marca. Em vez de falar sobre sua empresa e sobre os seus produtos, que tal mostrar a sua linha de produção ou uma curiosidade que torna o seu negócio único?

No caso de restaurantes atendendo por delivery, é interessante mostrar que cuidados têm sido tomados na cozinha para evitar contaminações. Empresas ligadas a produtos esportivos e vida saudável podem compartilhar dicas de exercícios para fazer em casa ou até mesmo receitas saudáveis. Ideias não faltam. Aqui vale a pena exercitar a criatividade.

Leia também | Plataformas de marketplace: como escolher a ideal?

5. Considere investir em anúncios online

Embora a construção de relacionamento a longo prazo seja importante, estratégias de curto prazo ajudam a ganhar fôlego neste momento. Uma das possibilidades é investir em anúncios em plataformas online, como o Google e as próprias redes sociais.

Para quem está começando, o ideal é ter cautela, ou seja, investir valores baixos, que não irão impactar o orçamento da sua empresa. Plataformas como o Facebook, Instagram, e o próprio Google oferecem orientações para quem quer começar a fazer anúncios online. No entanto, vale a pena contar com ajuda especializada nesse processo, visto que é preciso possuir um conhecimento prévio das ferramentas.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre marketing digital, aproveite para conhecer o Compre dos Pequenos, iniciativa criada pela Cora com o objetivo de ajudar os pequenos negócios a conseguir sobreviver em meio à pandemia do COVID-19.

A plataforma possibilita a venda de cupons no valor desejado dos estabelecimentos cadastrados no site. Depois que a crise passar, o cupom pode ser usado para adquirir algum produto ou serviço  naquele local. Não há taxas para quem compra nem para o estabelecimento cadastrado. Cadastre agora mesmo o seu negócio.

Vanessa Ferreria

About Vanessa Ferreria

Leave a Reply